quarta-feira, 6 de maio de 2015

Sobre o amor - quem inventou, me explica por favor...

O que é o amor?

Olha, escrevi, apaguei e tornei a escrever esse post diversas vezes e a reposta que consegui chegar é: não faço a mínima ideia!

Sério, coisa mais confusa...

O que ser isso?

Certo tava o Camões quando colocou o amor em um monte de versos contraditórios, afinal é isso que ele é mesmo. É ser um só e se bastar, ou seja, é ter amor-próprio, mas também precisar do outro e estar lá para quando o outro precisar de você, sendo ora humilde, ora altruísta.

É querer abraçar e proteger todos aqueles a quem quer bem, mas ao mesmo tempo saber que eles tem todo o direito de partir, e aceitar isso assim, numa boa, porque quem ama só precisa que o outro esteja feliz.

E aí você ama o outro apesar de todos os defeitos dele, mas ao mesmo tempo você quer corrigir cada um dos seus. Talvez para se tornar melhor. Vai saber...

Complicado demais. Mas bonito demais também.

Triste. Mas traz felicidade.

Quem vai entender?



love. period. #chalknyc #chalkaholic #heart www.chalknyc.com


Esse post assim, todo sem pé nem cabeça, feito o amor, foi proposto lá no Rotaroots. Talvez o Rotaroots seja o amor. Será? Segue com a gente lá!


4 comentários:

  1. "apaguei e tornei a escrever esse post diversas vezes e a reposta que consegui chegar é: não faço a mínima ideia!" HAHAHAHA <3

    Acho que amor deve ser todas essas contradições mesmo, talvez se fosse uma coisa só não seria amor..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vdd, Luana! <3

      Mas ainda, muito difícil escrever sobre hahahaha

      Bjo!

      Excluir
  2. hahahaha é difícil explicar
    mas é lindo sob todas as formas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade dessas bem verdadeiras, Léa!

      Obrigada por visitar o blog, espero que tenha gostado! <3

      Bjo

      Excluir